Os 4 hormônios da felicidade: quais são e como são produzidos.

 Sabe aquela sensação gostosa de recompensa, alegria e bem-estar que sentimos diante de várias situações do nosso cotidiano?


Todas essas sensações são ativadas no nosso cérebro através de hormônios que o nosso corpo é capaz de produzir.


Quem são os hormônios da felicidade

São 4 principais hormônios ligados a nossa felicidade:

  • Serotonina;
  • Dopamina;
  • Endorfina;
  • Ocitocina.


Serotonina

Este neurotransmissor promove a sensação de bem estar e prazer. A escassez dessa substância em nosso cérebro pode causar depressão e mau humor.

Além disso, a serotonina ajuda a manter a saúde mental, auxilia na regulagem do apetite e diminui a ansiedade.


Dopamina

A regulação dos processos motivacionais é uma das principais funções exercidas por este neurotransmissor. É a dopamina que nos impulsiona a alcançar os nossos objetivos.


Endorfina

É o nosso analgésico diante das situações de dor e estresse. Sua função é a de amenizar tais sensações. 


Ocitocina

É o neurotransmissor responsável por promover a sensação de confiança, sendo fundamental no auxílio das construções de laços de relacionamentos de modo geral.

É produzido e liberado na amamentação, no parto e durante o orgasmo.


Ativando os hormônios da felicidade

Conhecidos como o Quarteto da Felicidade, todos esses hormônios são produzidos pelo nosso corpo e liberados em situações específicas como:

  • Ao comer algo delicioso como um chocolate por exemplo;
  • Dar gargalhadas;
  • Durante a prática de atividades esportivas;
  • Durante uma Meditação;
  • Quando realizamos planos para o futuro;
  • Quando relembramos bons momentos;
  • Quando somos gratos;
  • Em relações sexuais;



O hormônio da felicidade nos alimentos

Proteínas

Ovos, carnes e derivados possuem grandes quantidades de um aminoácido que atua na formação da serotonina, denominado de triptofano.


Nos vegetais de folhagens escuras

Nesses alimentos existe fonte de ácido fólico e de potássio, que auxiliam no combate ao quadro de depressão. 

Quando o nosso organismo possui carência dessas substâncias, pode apresentar sintomas de cansaço, fraqueza, insônia e apatia.


Oleaginosas

Castanhas, nozes e amêndoas são fontes de selênio, magnésio e cobre que são antidepressivos naturais e melhoram o humor.


Frutos do mar e peixes

O salmão e a sardinha são excelentes fontes de ômega 3, um importante ácido graxo que aumenta a produção de receptores de neurotransmissores.

Além do ômega 3, a vitamina B12 e o selênio também estão presentes nesses alimentos, auxiliam no combate do cansaço e da ansiedade.


Laranja e demais frutas ricas em vitamina C

Contribuem na redução de hormônios que indicam o estresse emocional e físico.


Chocolate amargo com pelo menos 70% cacau na composição

É uma fonte de triptofano e de teobromina.

A Teobromina é um alcalóide da família da cafeína que possui efeito estimulante.

O chocolate ainda possui magnésio que é eficiente na redução dos sintomas indesejáveis da TPM.


Outros alimentos ricos em triptofano

Nas frutas: 

  • abacate;
  • banana;
  • abacaxi.


Nos alimentos de animal

  • Frango;
  • peru;
  • ovos;
  • salmão.


Nas frutas secas

  • Castanha do Brasil;
  • Amendoim;
  • castanha de caju;
  • nozes.


Nas Alga

  • Spirulina;
  • Algas marinhas.


Os seus exames de rotina na Clínica Neurocor de Cornélio Procópio

Na policlínica Neurocor de Cornélio Procópio, você conta com uma equipe de especialistas em diversas áreas da medicina, inclusive na área de neurologia e endocrinologia, proporcionando amplo suporte para a manutenção da sua saúde. 

Conheça o quadro de especialistas da policlínica Neurocor.

Agendar sua consulta na Clínica Neurocor de Cornélio Procópio é muito simples e prático. Para isso, disponibilizamos múltiplos canais de atendimento aqui mesmo em nosso site, inclusive agendamentos via whatsapp. Entre em contato conosco. 


Veja também:

Dor de cabeça constante? Então não deixe de conhecer estes 3 tipos de cefaleias.









Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Infecção Vaginal por fungos: O que toda mulher deveria saber.

8 grupos de risco para o Hipotireoidismo. O hipotireoidismo pode matar.

Entenda o que é a Cardiomegalia (Coração Grande), as causas, sintomas e os tratamentos.

Como reverter a perda muscular na velhice.

Conselho Regional de Medicina: Como consultar o CRM do médico.